Segurança em primeiro lugar.
Blindagem Arquitetônica
Imagens de São Paulo


Artigos   >>   Quartos do pânico

11/10/2012

Quartos do pânico

Só em São Paulo, 15 mil residências possuem portas blindadas e as construtoras de luxo já constroem apartamentos com essas portas, que na loja Mul-t-lock,

Só em São Paulo, 15 mil residências possuem portas blindadas e as construtoras de luxo já constroem apartamentos com essas portas, que na loja Mul-t-lock, em São Paulo, custam R$ 5 mil em média. No Rio de Janeiro, onde o índice de balas perdidas é muito grande, são 15 mil janelas blindadas, que custam R$ 6 mil e são fabricadas em Israel. Hoje, gasta-se de 8% a 10% do valor da obra de uma casa em segurança e pouco menos em um apartamento de alto luxo. Em casos mais extremos, existem os quartos do pânico. Nome popular para um quarto blindado com linha telefônica própria e monitoração da casa. Já são cerca de 500 construídos no Brasil, 400 só no Estado de São Paulo. O preço do metro quadrado é de R$ 3 mil. Basicamente, são utilizados para abrigar as vítimas de invasões até a polícia chegar.

Entre as opções de blindagem arquitetônica, a mais cara, mais segura, porém, na maioria das vezes, desnecessária são os bunkers. Cento e duas famílias no Brasil – 63 delas só em São Paulo e a maioria no bairro do Morumbi – optaram pelo sistema. Os bunkers são habitáculos de alta segurança construídos no subsolo da casa, até três metros abaixo da superfície. Surgiram durante a Segunda Guerra. “Apenas 20% dos bunkers brasileiros são realmente necessários. Quando a família é extremamente visada, rica e com casa afastada e de difícil acesso para a polícia, a opção é válida. No restante, bastaria um quarto blindado”, explica Ricardo Chilelli, diretor da RCI Consultoria de Segurança Internacional. A empresa, que tem como clientes 55 das 100 famílias mais ricas do Brasil faz uma análise do risco do cliente. “Na maioria das vezes, um quarto blindado seria suficiente, porque a polícia não demora mais de meia hora para chegar ao local.” Construído com concreto especial e revestido com aço balístico, o bunker possui caixa-d’água independente, abastecimento de gás, linha telefônica e interfone próprios, internet, monitoração interna e externa da casa, alimentação desidratada e, em alguns casos, até decoração de luxo. “Dá para passar até um mês lá dentro”, segundo Chilelli. O preço? De US$ 50 mil até US$ 1 milhão.

Autor: Rosana Rodini

Fonte: Revista ISTOÉ Online

Clientes

Clientes Steel Block
Clientes Steel Block
Clientes Steel Block
Clientes Steel Block

Produtos

Gaveta Passa Documentos

Gaveta passa documentos

Intercomunicadores

Intercomunicadores

Quarto do Pânico

Câmeras

Telefone

011 -5589 - 3857

Horário de Atendimento

Segunda à Sexta
09:00 às 18:00

E-mail

comercial@steelblock.com.br
Out Paper Soluções em Design

Copyright © 2001 - 2017 Steel Block blindagem. All Rights Reserved - Todos os Direitos Reservados.